Pular para o conteúdo principal

Postagens

Destaques

Talvez esteja falando sobre a vida

Fui notificada desse texto que escrevi dois anos atrás. Normalmente não gosto dos meus textos antigos, mas esse continua sendo vívido e voraz dentro de mim. Quis compartilhar com vocês.
Photo by Erda Estremera on Unsplash
(texto originalmente publicado em: A Soma de Todos os Afetos)

É como se não fôssemos capazes de enxergar muita coisa, imagine só. Será mesmo que não é possível reparar nos detalhes, olhar em volta e achar graça em tudo que há?
Quando se olha para o lado, encontra-se um outro universo. Que gira, acontece e transforma de um modo diferente do seu.
É possível encontrar em alguém tudo aquilo que se precisa para si. E por favor, não sejamos vazios imaginando que os bens materiais do outro nos cabem. Estou falando de riso, de amor, de cuidado, dessas coisas que não se pega, apenas se sente, se vive.
Foi entendendo que cada universo possui sua órbita e sua forma de ser, que percebi o quanto é importante estar aqui. Não faria sentido algum viver tudo o que vivemos sozinhos, c…

Últimas postagens

Aos 27.

Eu consigo ver você - I can see you

Em você, o que falta em mim | BLOG DA BÁ

Chegar lá | Blog da Bá

a depressão

Quantas vezes for preciso

O sumiço

eu sinto muito

[a melhor mãe do mundo]

Aos 26.